A Polícia Civil do Rio Grande do Sul prendeu hoje quatro pessoas, duas delas apontadas como chefes de facções de traficantes, em Sapucaia do Sul, em Porto Alegre. A investigação sobre a atuação dos criminosos na região começou há quatro meses e contou com o apoio de 40 agentes e de dez delegados.

A ação conseguiu apreender cerca de R$ 500 em dinheiro, um automóvel Audi e um revólver calibre 38 que estavam com dos suspeitos de liderar o tráfico na região. Celulares e aparelhos eletrônicos dos presos também foram recolhidos.

De acordo com a polícia gaúcha, o objetivo da operação foi o de coibir a presença do tráfico em Sapucaia do Sul. Marcada pela exclusão social, a área onde os suspeitos atuam é considerada uma das mais pobres do município.