Recife – O português João Miguel Folgosa Herculano, de 31 anos, foi detido na noite de anteontem pela Polícia Federal, no Aeroporto Internacional dos Guararapes, quando tentava embarcar para Lisboa carregando 58 ovos de aves silvestres sob risco de extinção. Os ovos estavam embalados individualmente em papel de seda e acondicionados em várias meias calças ao redor da barriga do traficante, que os comprou nos Estados do Amazonas, Mato Grosso, Tocantins, Distrito Federal e Pernambuco. Ele disse que se tratava de ovos de codorna. Técnicas do Ibama descartaram essa hipótese e acreditam que os ovos sejam de araras-azuis de lear e galo da serra. O preço de uma arara azul no exterior chega a US$ 80 mil, de acordo com a PF. O português é um grande traficante de animais silvestres.