O presidiário Flávio Carlos da Silva foi assassinado com golpes de faca hoje dentro do presídio da cidade de Limoeiro, no interior de Pernambuco. De acordo com a Secretaria Estadual de Ressocialização, a vítima foi atacada por outros três presos por supostamente ter espionado o encontro conjugal de um quarto detento. Irritados com a atitude do rapaz, que estava alojado em uma cela do pavilhão de triagem da unidade prisional sob a acusação de assalto, Anderson Ramos de Souza, Alexandre Justino Brás e João José da Silva aproveitaram o momento da saída para o banho de sol matinal e atacaram a vítima.

Familiares de Flávio estiveram hoje no presídio e lamentaram o crime. "Ele era um rapaz problemático e não era a primeira vez que foi preso. Mas ninguém imaginava que iria acontecer uma coisa dessas, ainda mais dentro da prisão", comentou Antônio Trindade, tio da vítima. O caso está sendo investigado pela delegacia do município. Nos últimos dez dias, este foi o quarto caso de briga entre presos no Estado com o registro de vítimas fatais.