Ao menos cinco pessoas já foram presas na manhã de hoje acusadas de envolvimento com uma quadrilha especializada em roubos a bancos, agências dos Correios e estabelecimentos comerciais na Bahia e em Pernambuco. O grupo é suspeito também de tráfico de drogas nos dois Estados.

Cerca de cem policiais federais estão cumprindo 21 mandados de prisão e nove de busca e apreensão na cidade de Petrolina e nas zonas urbana e rural de Pernambuco, com o objetivo de apreender armas de grosso calibre, veículos roubados para uso da quadrilha, drogas e outros objetos resultantes de assaltos.

A Operação Novo Cangaço, da Polícia Federal (PF), conta também com o apoio da Polícia Militar (PM) de Pernambuco. Já foram apreendidos três fuzis calibre 556, um fuzil calibre 7.62, uma submetralhadora calibre 45, uma espingarda calibre 12, diversos revólveres calibre 38, farta quantidade de munição, dois coletes táticos da PM de Pernambuco e uma camisa da PF.