Três trechos de rodovias federais poderão receber, respectivamente, os nomes de um líder estudantil dos anos 60 e 70, um ex-prefeito e um ex-senador, segundo dois projetos em tramitação e um já aprovado pelo Senado e enviado à Câmara.

De acordo com os projetos, o trecho da BR-428 situado entre a cidade de Petrolina (PE) e o Trevo do Ibó, em Belém do São Francisco (PE), será denominado "Rodovia Senador José Coelho"; o trecho da BR-484 situado entre a sede do município de Afonso Cláudio e seu distrito de Serra Pelada (ES) passará a chamar-se "Rodovia Prefeito João Eutrópio"; e o trecho da BR-020 que corta o Distrito Federal será denominado "Rodovia Honestino Monteiro Guimarães".

O senador Cristovam Buarque (PDT-DF), autor da proposta para o Distrito Federal (PLS 399/07), explicou, na justificação do projeto, que Honestino Monteiro Guimarães foi líder estudantil desaparecido em 1973, após ser preso pelo regime militar. Honestino iniciou sua militância política, segundo Cristovam, no início da década de 1960, quando cursava o ensino secundarista na escola Elefante Branco, de Brasília, e se tornou uma das principais lideranças estudantis do país durante o período em que estudou na Universidade de Brasília (UnB).

De acordo com o senador, Honestino foi preso em 29 de agosto de 1968, quando a universidade foi invadida pelas tropas da ditadura, e, depois de liberado, tornou-se presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE), em 1969. Exerceu a presidência da entidade até 10 de outubro de 1973, quando foi preso novamente e nunca mais foi visto.

Atualmente, o Diretório Central dos Estudantes da UnB leva o seu nome, assim como o Museu Nacional recentemente construído na capital do Brasil. Cristovam pretende, com a proposta, ampliar as homenagens a esse brasileiro que o senador considera "um verdadeiro mártir do movimento estudantil". O projeto encontra-se na Comissão de Educação (CE), na qual receberá decisão terminativa.

Autor do PLS 282/07, que denomina trecho da BR-484 "Prefeito João Eutrópio", o senador Renato Casagrande (PSB-ES), informou que o homenageado foi médico atuante no município de Afonso Cláudio e, por sua dedicação, a população o elegeu prefeito por dois mandatos. Casagrande disse que João Eutrópio foi responsável pela execução de obras importantes para a cidade como estradas, o mercado municipal, escola, matadouro e terminal rodoviário. A proposta foi aprovada em decisão terminativa pela CE e remetida à Câmara dos Deputados.

Já a proposta (PLS 420/07) do senador Marco Maciel (DEM-PE) homenageia o ex-senador José Coelho, que também foi vereador em Petrolina por três mandatos e prefeito daquele município duas vezes. De acordo com Maciel, Coelho defendia a retomada dos projetos de irrigação no sertão e lutou pela conclusão da duplicação da ponte Presidente Eurico Dutra sobre o rio São Francisco. O projeto também receberá decisão terminativa na CE.