Brasília – O ministro do Desenvolvimento Agrário, Miguel Rossetto, declarou ontem que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva já autorizou a destinação de R$ 7 bilhões para investimento na estrutura fundiária. Com esse valor, de acordo com Rossetto, o ministério pretende garantir programa de crédito a mais 400 mil agricultores. Durante audiência pública na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga a questão fundiária no País, Rossetto pediu empenho ao Congresso Nacional para aprovar os créditos suplementares para a reforma.