Rio (AE) – Com a proximidade do último dia do ano, 31 de dezembro, a cidade do Rio de Janeiro já entra em clima de festa e prepara os grandes eventos que tradicionalmente acontecem na capital carioca nesta data. Além de receber o grupo sensação do hip-hop Black Eyed Peas, haverá um show de fogos, com 18 minutos de duração, na praia de Copacabana, de acordo com a companhia estatal de turismo do Rio de Janeiro, a Riotur.

O espetáculo deve reunir dois milhões de pessoas (593 mil turistas), de acordo com a companhia, que revelou ainda o custo que a Prefeitura do Rio teve para organizar o revéillon: R$ 5 milhões. Serão cerca de 19 mil bombas, totalizando 24 toneladas de pólvora, detonadas das oito balsas que serão posicionadas a aproximadamente 360 metros da areia.

O DJ André Paulo vai abrir a noite do dia 31, às 18h, esquentando o palco para a Orquestra Tabajara. Em seguida, às 22h, a Orquestra Cuba Libre homenageia os ritmos dos países participantes dos Jogos Pan Americanos de 2007, e o cantor Eduardo Dusek dará as boas-vindas ao ano novo. Por volta das 23h20, ele fará a contagem regressiva dos fogos.

Pouco depois da meia-noite, o quarteto californiano Black Eyed Peas vai animar o público no novo palco de Ipanema (posto 8), onde terão se apresentado às 19h30 o cantor americano John Legend, vencedor de três prêmios Grammy e o produtor Sergio Mendes, às 20h30. Após a apresentação do BEP, é a vez da escola de samba Grande Rio entrar em cena.