Jundiaí – Uma equipe da Rondas Ostensivas Tobias Aguiar (ROTA) teria apreendido, na madrugada de ontem uma agenda com uma suposta lista de autoridades ameaçadas de morte. A agenda estava com duas mulheres acusadas de tráfico, em Jundiaí. Mãe e filha, Maria de Lourdes de Souza Santiago, de 45 anos e Ariane Regina Santiago Brito, de 19 anos,foram presas na periferia da cidade. Elas estavam com um quilo de maconha. Na lista, os juízes são chamados de “inimigos do tráfico”. Entre os nomes citados estariam 36 juízes de Jundiaí e de Assis, delegados, investigadores e advogados.