A votação da proposta de emenda constitucional que prorroga a CPMF até dezembro de 2004 é o sétimo item da pauta do plenário do Senado de hoje. Antes serão votados três projetos de resolução que tratam de operações de crédito para o Estado de São Paulo e um para o Acre. Além disso, está na pauta a proposta de emenda constitucional que assegura aos partidos o direito de estabelecer livremente as alianças para as eleições, o que na prática acaba com a verticalização das coligações, estabelecida pelas resoluções do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Outra proposta de emenda constitucional, que pode ser votada ainda hoje é a que incorpora os policiais militares de Rondônia aos quadros de servidores da União. Só então a CPMF será votada pelos senadores.