O líder do governo na Câmara dos Deputados, Ricardo Barros (PP-PR), declarou nesta quarta-feira (17) em entrevista à GloboNews que a situação do Brasil enfrentamento à pandemia da Covid-19 “não é tão crítica” e “até confortável” se comparada a outros países, ao citar o número de mortes por milhão de habitantes no Brasil. Barros disse que o Brasil, com 1.300 mortes por milhão, está em 22º lugar, enquanto Reino Unido, com 1.853 mortes por milhão, está em 4º lugar, e Estados Unidos, 1.609 mortes por milhão, em 11º.

“Então, nosso sistema de saúde responde, está melhor no tratamento as pessoas do que a maioria dos países de primeiro mundo que estão na nossa frente em número de vacinados, mas o Brasil é o 5º do mundo em número de vacinados, embora, tenha começado mais tarde, já são 10 milhões e 300 mil vacinados e 11 milhões e 600 que já pegaram Covid e estão imunes, então, a nossa situação, ela não é tão crítica assim, comparada a outros países, é uma situação é até confortável”, justificou o deputado.

2.841 mortes em um dia

Na terça (16), o Brasil registrou 2.841 mortes causadas pela Covid-19 nas últimas 24 horas, o maior número de óbitos contabilizado em um único dia desde o início da pandemia no país, diante de decretos de lockdown em diversas cidades e estados para conter o avanço da pandemia da covid-19.