O presidente Michel Temer usou as redes sociais para se solidarizar com a família do cabo do Exército Fabiano Oliveira Santos, que morreu baleado durante a megaoperação do Comando Conjunto realizada nesta segunda-feira, 20, na zona norte do Rio.

“Minha solidariedade à família do cabo Fabiano, que lamentavelmente faleceu hoje durante operação da intervenção federal no Rio de Janeiro. O Brasil agradece ao militar que dedicou a própria vida por um País melhor”, disse o presidente, em mensagem publicada no Twitter, na noite desta segunda-feira.