A Aeronáutica informou nesta segunda-feira (25), em comunicado oficial, que os pousos e decolagens nos terminais aeroportuários do Rio de Janeiro – Galeão e Santos Dumont – não chegaram a ser suspensos na manhã de hoje. Segundo a nota, o Galeão teve a operação interrompida em apenas uma de suas pistas, em razão de um tiroteio nas proximidades do aeroporto. "Isso fez com que os órgãos de controle efetuassem um gerenciamento de fluxo nas aeronaves da Ponte Aérea", diz o comunicado assinado pelo brigadeiro Antonio Carlos Moretti Bermudez.

Além disso, segundo a Aeronáutica, o mau tempo fez com que tanto o Galeão quanto o Santos Dumont operassem por instrumentos durante a manhã. Por isso, esclarece a Aeronáutica, houve um espaçamento maior entre as decolagens.

A Aeronáutica reitera, portanto, que não houve suspensão de vôos e, sim, este espaçamento. "Diferentemente do que alguns órgãos de imprensa divulgaram, as decolagens de São Paulo não chegaram a ser suspensas", declarou o brigadeiro Bermudez.

Até o momento, diz a Aeronáutica, não há registros de "qualquer restrição de controle de tráfego aéreo" no País, de acordo com relatório do Centro de Gerenciamento de Navegação Aérea.