A morte de quatro irmãos na tarde desta segunda-feira (23), entre Faxinal dos Ferreiras e Poço Grande, na área rural de Pinhão – município a 311 quilômetros de Curitiba -, chama a atenção das autoridades. A suspeita da polícia é que os quatro tenham sido vítimas de uma vingança, já que o histórico deles aponta para um conflito com uma família dona de terras vizinhas.

As vítimas foram encontradas por funcionários da Copel, que faziam manutenções elétricas na região, em um carro abandonado na estrada. Os irmãos tinham 12, 25, 27, e 33 anos. No carro, a polícia encontrou facões e um estojo de arma vazio.

“A área é marcada por conflitos de terra, e existe uma outra linha de investigação que diz que um veículo com características semelhantes estaria pela região cometendo furtos. Este veículo estaria com a placa encoberta por uma sacola plástica, mas ainda é prematuro”, disse o delegado de Pinhão, Rubens Miranda.

Já existem investigações a respeito de crimes cometidos pelas vítimas desta segunda-feira contra membros da família rival. Eles são suspeitos de uma emboscada que terminou com outras quatro vítimas, em setembro de 2017.

Ninguém foi preso e nenhum suspeito foi encontrado até o momento. A Polícia Civil investiga o caso.

Câmera flagra caminhão tombando e atingindo casa em Curitiba! Veja!