O presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, Marco Maciel (DEM-PE), acertou nesta quarta-feira (21) com o senador Arthur Virgílio (PSDB-AM) a votação do seu relatório sobre o processo contra o presidente licenciado da Casa, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), para a próxima quarta-feira, dia 28.

Renan é acusado de quebra de decoro parlamentar, entre outras razões, por supostamente ter registrado em nome de "laranjas" duas emissoras de rádio em Alagoas. Maciel e Virgílio definiram que este será o primeiro item da pauta de votações da CCJ na quarta-feira.

O Conselho de Ética aprovou na semana passada o pedido de cassação do mandato de Renan. Na reunião da CCJ será votada a admissibilidade do processo.