Brasília – Planejar o futuro exige paciência e economia. Em 2005, os brasileiros demonstraram mais disposição e condições para isso. Um levantamento divulgado hoje (3) pela Caixa Econômica Federal mostra que, no ano passado, o saldo das aplicações em poupança no banco fechou em mais de R$ 53 bilhões, valor 8,6% superior ao de 2004.

O número de poupadores também aumentou. Em 2005, foram abertas 3,9 milhões de novas contas de poupança e o número de clientes chegou a 29 milhões. Esse número é mais que o dobro do registrado em 2000, quando 13,6 milhões de pessoas deixaram seu dinheiro na poupança da Caixa.

Para 2006, a meta do banco é chegar a mais de 32 milhões de clientes com contas na poupança e saldo superior a R$ 57 bilhões.

Com informações da assessoria da Caixa Econômica Federal.