Já virou tradição a participação da Caixa Econômica Federal nas celebrações do Dia Internacional da Mulher. Para homenagear o público feminino, o banco oferece de quarta-feira (7) a sexta-feira (9), a inscrição, a regularização e a consulta gratuitas de CPF para as mulheres. A ação será realizada em todas as agências do país, de acordo com horário de atendimento bancário. Atualmente, a emissão do documento custa R$ 5,70 e pode ser feita nas agências da Caixa, do Banco do Brasil e da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT).

As mulheres maiores de 18 anos devem levar um documento de identificação, que contenha a filiação e data de nascimento, além do Título de Eleitor ou documento de justificativa eleitoral. Quem ainda não tiver 18 anos pode ser representada por um dos pais ou responsável. Nesse caso, o representante deve portar certidão de nascimento ou documento que contenha filiação e data de nascimento da criança ou adolescente, além de documento de identificação e CPF próprios e, se for o caso, documento que comprove a tutela, curatela, guarda ou procuração.

As mulheres que tiverem entre 16 e 18 anos e possuem documento de identificação que contenha filiação e data de nascimento podem solicitar a emissão ou regularização do CPF sem a presença de um responsável.

Sem esse documento, as cidadãs não podem exercer alguns direitos, como abrir contas bancárias e ser titular de programas sociais. Desde 2004, cerca de 1 milhão de mulheres já emitiram o documento gratuitamente, beneficiadas pela ação da Caixa.

Também como forma de homenagem às mulheres, os empregados e as empregadas da Caixa serão convidados a refletir sobre o tema “Equilíbrio de Gênero”.