O governo liberou a Caixa Econômica para efetuar o pagamento das perdas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) com os planos Collor 1 e Verão para os trabalhadores que haviam aderido ao acordo desistindo de ações judiciais, mas que ainda esperavam que a desistência fosse homologada pela Justiça.
Com a liberação, feita por meio de decreto assinado hoje, a Caixa começa a efetuar o pagamento de 615,2 mil trabalhadores a partir do próximo dia 23. Serão pagos R$ 461,7 milhões, depositados em 1,1 milhão de contas (cada trabalhador pode ter mais de uma conta).
Esse valores se referem a quem tem a receber até R$ 2.000, e às primeiras parcelas dos trabalhadores que têm saldo entre R$ 2.000 e R$ 8.000. (Leia mais na edição de amanhã do jornal O Estado do Paraná)