Até às 18 horas do segundo dia do terceiro esforço concentrado no período pré-eleitoral, a Câmara dos Deputados não conseguiu atingir o quorum mínimo para iniciar a votação das 11 Medidas Provisórias que estão trancando a pauta de votações da Casa. Apenas 202 deputados registraram presença no painel eletrônico de votações, embora tenham passado pelas portarias da Câmara 346 deputados.

O número mínimo de presenças no painel eletrônico para iniciar qualquer votação é de 257 deputados. Na sessão matutina, 269 deputados chegaram a registrar presença, mas, mesmo assim, o presidente da Câmara, deputado João Paulo (PT-SP), decidiu encerrar a sessão sem iniciar as votações. A terceira sessão de votação do dia de hoje está marcada para iniciar às 19 horas. Se não se conseguir quorum mínimo, nenhuma matéria terá sido votada neste esforço concentrado.