O plenário da Câmara aprovou há pouco o projeto que reajusta o salário dos magistrados de R$ 12.700,00 para R$ 17.171,00. O benefício do reajuste inclui, além dos ministros dos tribunais, os demais juízes federais do País. A concessão do aumento será feita com escalonamento de 5% entre os diferentes níveis dos tribunais. O líder do governo na Câmara, Arnaldo Madeira (PSDB-SP), disse há pouco que o aumento foi concedido porque houve um acordo entre a categoria profissional e o Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. O projeto foi encaminhado ao Legislativo pelo Supremo Tribunal Federal (STF) e agora será enviado ao Senado para votação.