Brasília, 2/6/2004 (Agência Brasil – ABr) – A Câmara dos Deputados acaba de aprovar, em votação simbólica, a medida provisória que elevou o salário mínimo para R$ 260. Antes, os deputados rejeitaram por 266 votos contrários, 167 votos favoráveis e seis abstenções o relatório do deputado Rodrigo Maia (PFL-RJ), que elevava o salário mínimo para R$ 275. A sessão durou cerca de oito horas e foi marcada por calorosos debates entre os parlamentares do governo e da oposição.

Os deputados vão votar agora destaque do PSDB que propõe um abono para o salário mínimo retroativo a 1º de abril deste ano, já que os R$ 260 entraram em vigor no em 1º de maio. A votação do destaque será nominal.