Rio – Mais de mil e duzentas pessoas participaram hoje, na Catedral de São Sebastião, no centro do Rio, do anúncio oficial da Campanha da Fraternidade de 2006, que tem como tema "Fraternidade e Pessoas com Deficiência".

A campanha será aberta na quarta-feira de cinzas para ser desenvolvida durante o período da quaresma nas paróquias e dioceses de todo o país.

O cardeal Dom Eusébio Sheid, arcebispo do Rio, explicou as diretrizes do trabalho para colaboradores e padres das 246 paróquias da cidade, representantes da Pastoral do Deficiente e de Agentes da Fraternidade, além de pessoas com vários tipos de deficiência. O religioso disse que o objetivo é promover a inclusão dos portadores de deficiência em todos segmentos sociais e não somente dentro da igreja.

O encontro contou com a apresentação de canto, peça de teatro na linguagem dos sinais e de grupo musical em cadeiras de rodas, reunindo artistas cegos, surdos e cadeirantes.