Brasília – Começa nesta segunda-feira (16) a nona edição da Campanha Nacional da Voz, realizada pela Academia Brasileira de Laringologia e Voz (ABLV). Com o tema ?Afine a sua saúde. Cuide da sua voz?, a campanha promoverá ações de conscientização a serem veiculadas nos meios de comunicação e realizará atendimentos gratuitos em cerca de 240 postos cadastrados, em 20 estados e no Distrito Federal.

Dentre as causas de doenças no aparelho vocal, estão o uso inadequado e abusivo da voz e o fumo, que, segundo a ABLV, é o responsável por 97% dos casos de câncer da laringe. O otorrinolaringologista José Eduardo Pedroso, coordenador da campanha, listou os cuidados para a prevenção. ?Os principais cuidados para ter uma saúde vocal são evitar o fumo, não forçar a voz, articular bem as palavras, ingerir bastante líquido em temperatura ambiente e evitar alimentos que causem azia e má digestão?, em entrevista à Rádio Nacional.

As doenças mais recorrentes são o nódulo vocal ? mais conhecido como calo ?, o pólipo e o câncer de laringe. A ABLV adverte que o Brasil está entre os países que têm os maiores índices de incidência de câncer de laringe. De acordo com Pedroso, a cada ano são diagnosticados no país 8 mil novos casos, e cerca de 3 mil pessoas morrem em decorrência do câncer.

?Recomendamos à pessoa ficar atenta determinados sintomas, principalmente: rouquidão por mais de 14 dias, perda de voz, pigarro, dor ou ardência na garganta e dificuldade na respiração?, alerta o médico.

A campanha se estende até o dia 21 de abril. A lista dos postos de atendimento pode ser acessada no site da ABLV, www.ablv.com.br. Apenas Acre, Rondônia, Maranhão, Piauí, Sergipe e Tocantins não são contemplados.