Miguel Gutierrez/AFP

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez assegurou que a derrota do Brasil, nesta sexta-feira para a Holanda pelas quartas de final da Copa do Mundo da África do Sul, será vingada pela Argentina e pelos outros representantes latino-americanos: Uruguai e Paraguai. “O Brasil perdeu. Viva o Brasil! Batalharam duro”, disse Chávez em um ato oficial transmitido em cadeia de rádio e televisão, pouco depois da partida em que os brasileiros foram derrotados por 2-1 pela Holanda. Mas Chávez advertiu: “agora vem a vingança com a Argentina”. “Todos os gols que o Brasil não vai marcar daqui para frente vão ser marcados pela Argentina e pelas outras equipes que nos restam: Uruguai e Paraguai”, acrescentou. Chávez é um amante do beisebol, esporte mais popular da Venezuela, cuja seleção de futebol foi eliminada da primeira fase das eliminatórias sul-americanas para a Copa da África do Sul. O presidente, que faz longos pronunciamentos na televisão, prometeu que respeitará os horários das partidas e inclusive modificou o horário de seu programa dominical ‘Alô, Presidente’.