Pelo segundo ano, empresas e organizações da sociedade civil realizam a Semana Nacional pela Cidadania e Solidariedade, uma série de eventos em todo o país destinados a sensibilizar, mobilizar e estimular os governos e a sociedade brasileira.

Neste ano, a solenidade de abertura da semana será no Sesi de Belo Horizonte / MG e contará com a presença do presidente do Instituto Ethos de Empresas e Responsabilidade Social, Oded Grajew, do governador de Minas Gerais, Aécio Neves. O presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi convidado para a abertura do evento. A campanha brasileira também inspirou o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) da Bósnia Herzegovina a produzir ícones para cada um dos objetivos.

Cidadania e solidariedade são os pilares para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. Herbert de Souza, o Betinho, que dedicou grande parte de sua vida à promoção de um Brasil mais justo, é o símbolo e inspiração da semana. As atividades se realizam de 8 a 14 de agosto, para lembrar a data da morte de Betinho (9 de agosto).

O Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade foi criado em 2004 com a finalidade de conscientizar e mobilizar a sociedade civil e os governos para o alcance, até 2015, dos oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio estabelecidos em 2000 pela Organização das Nações Unidas (ONU), em conjunto com 191 países, inclusive o Brasil. É uma iniciativa da sociedade civil, sem partidos e ecumênica, que tem o apoio do PNUD para a coordenação. Mais informações podem ser obtidas nos sites: www.nospodemos.org.br e www.pnud.org.br.