Brasília – Depois de mais de três horas de reunião, a comissão de sindicância da Câmara aprovou, por 3 votos a 2, parecer do relator Robson Tuma (PFL-SP) que encaminha os nomes dos 16 deputados citados pelas CPMIs dos Correios e da Compra de Votos à Mesa Diretora da Casa, sugerindo que esta envie ao Conselho de Ética representação contra esses deputados para abertura de processo por quebra de decoro parlamentar.

O presidente da Câmara, Aldo Rebelo (PCdoB-SP), marcou para a próxima terça-feira (11) a reunião que vai decidir sobre a matéria.