O Procon-PR disponibilizou uma ferramenta onde os consumidores poderão registrar eventuais abusos encontrados em relação ao preço dos combustíveis, após do aumento de Pis/Cofins anunciado no último dia 20 de julho.

O link “ABUSO NOS PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS” já está disponível na página do Procon-PR, www.procon.pr.gov.br e também da Secretaria de Estado da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos (SEJU), em www.justica.pr.gov.br.

Ao acessar a ferramenta o consumidor deverá informar seu nome, e-mail, preço praticado antes e após o reajuste e ainda, anexar documentos, como fotos, vídeos, nota ou cupom fiscal, que serão utilizados na abertura do processo administrativo pelo Procon-PR.

O foco da ação é apurar eventuais abusos ou irregularidades como o repasse indevido da elevação dos tributos em produtos que já estavam em estoque.

De acordo com Claudia Silvano, diretora do Procon-PR, “a ferramenta  disponível no site tem como objetivo identificar e evitar – com a ajuda dos consumidores – abusos que podem gerar danos a toda a coletividade”.