O consumo de água tratada durante os meses de temporada aumentou, em média, 6%, nos cinco municípios do Litoral atendidos pela Sanepar. A maior variação ? 15% – foi registrada no município de Pontal do Paraná, no mês de janeiro. Em dezembro, o aumento no consumo superou as expectativas, com acréscimo de 8%. Somente no período do Ano-Novo o consumo cresceu 17%, em relação ao ano anterior.

Segundo o presidente da Sanepar, Stênio Jacob, ?os números refletem os investimentos realizados para garantir o abastecimento de água para todos. Com a certeza de que não falta água tratada no litoral, mais veranistas e turistas estão escolhendo o Paraná para passar férias?. A Sanepar investiu R$ 58 milhões nos sistemas de abastecimento de água de Guaratuba, Matinhos, Pontal do Paraná, Morretes e de Guaraqueçaba.

Desde o início da temporada, cerca de 39% dos usuários entraram em contato com a empresa. Foram 34.349 solicitações de serviços. Destes, 40% pediram a emissão da segunda via da conta e a regularização dos débitos pendentes, o que poderia ter sido evitado se o cliente tivesse o débito em conta-corrente bancária. A autorização para que a cobrança seja feita pelo banco pode ser dada pelo telefone 115.

As solicitações dos usuários repercutem no trabalho de campo. No período de 15 de dezembro até 27 de fevereiro já foram executados 14.664 serviços. Destes, 3.751 foram religação de água, sendo 35% no município de Matinhos. Do total das 519 novas ligações, 40,2% foram realizadas em Pontal do Paraná. A média, na baixa temporada, é de quatro mil serviços/mês. Nos cinco municípios, a Sanepar fornece água para 70.295 imóveis.