Está marcada para a próxima terça-feira (dia 27), na sede do Sindicombustíveis, a primeira reunião da CPI dos Combustíveis da Câmara Municipal de Curitiba. Além dos integrantes da comissão estarão presentes a diretoria do sindicato e proprietários de postos. O presidente da CPI, vereador Fábio Camargo (sem partido), irá receber oficialmente algumas denúncias na reunião.

“Nós não podemos ficar em nossos gabinetes à espera da resolução dos problemas. Temos que ir a campo. Nosso próximo passo será escutar os consumidores nos postos de gasolina”, afirmou o vereador. Depois de dois meses de impasse entre a base de apoio ao prefeito e a bancada de oposição, a CPI dos Combustíveis é a primeira a começar oficialmente os trabalhos.

“Ela precisa ser bem objetiva porque já perdemos muito tempo na discussão das bancadas. A população quer os resultados, então a resposta deve ser a mais rápida possível. Mas não devemos confundir rapidez com afobação. Temos que investigar muito bem todas as denúncias”, disse Camargo.