Brasília – Na próxima semana, a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) dos Correios tomará os depoimentos do presidente da empresa de publicidade SMP&B, Cristiano Paz, e da sócia do publicitário Duda Mendonça, Zilmar Fernandes da Silveira. Os dias dos depoimentos ainda serão acertados pelo plenário da comissão, uma vez que outra CPMI, a que investiga a denúncia de pagamento de mesada a deputados, marcou para a próxima quarta-feira (10) o depoimento de Paz.

O subrelator para depoimentos da CPMI dos Correios, deputado Carlos Abicalil (PT-MT), disse que serão prestados outros 12 depoimentos no plenário da comissão, também sem data definida ainda. Entre os requerimentos de convocação aprovados estão os de ex-dirigentes dos Correios, do ex-procurador da Fazenda Nacional, Glênio Guedes, e o do ex-ministro da Casa Civil, deputado José Dirceu (PT-SP).

Para acelerar os trabalhos da comissão, o subrelator vai tomar depoimentos das pessoas cujos requerimentos de convocação já foram aprovados. São 57 requerimentos, que não representam, necessariamente, o mesmo número de depoentes, uma vez que existem alguns repetidos, esclareceu Carlos Abicalil.

A idéia, segundo o subrelator, é criar um pequeno grupo de parlamentares, incluindo o autor do requerimento, para ouvir essas pessoas. "Independentemente de as oitivas acontecerem no plenário da CPMI ou fora, elas serão públicas", garantiu o parlamentar.