Os integrantes da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que investiga a suposta compra de votos de deputados e senadores reúnem-se para análise e votação de requerimentos e a definição de uma agenda de trabalho e dos limites e atribuições da CPMI.

O encontro será às 18h, no Senado (sala 3 da Ala Alexandre Costa). Também hoje, o presidente da comissão, senador Amir Lando (PMDB/RO), deve ir ao Supremo Tribunal Federal (STF) para discutir algumas questões referentes à competência da CPMI com o presidente da Corte, Nelson Jobim.

A CPMI, instalada no dia 20 de julho, marcou para esta quarta-feira (3) o depoimento do presidente licenciado do PTB, deputado Roberto Jefferson (RJ). Ele é o autor das denúncias do suposto esquema de pagamento de mesada a parlamentares para que votassem favoravelmente em projetos de interesse do governo.