O plenário da Câmara de Curitiba votou, em primeiro turno, pela cassação do mandato de Renato Freitas (PT), por quebra de decoro parlamentar, aprovando relatório do Conselho de Ética da Casa que apontou que o vereador perturbou culto religioso e realizou manifestação política dentro de igreja. Foram 25 votos pela cassação, sete contrários e duas abstenções. Além disso, quatro vereadores estavam impedidos de votar: o próprio Freitas e os três vereadores que assinaram as representações contra o colega. Veja como votou cada parlamentar:

LEIA TAMBÉM:

>> Curitiba vai ganhar novo binário para desafogar trânsito da região Sul

>> Gasolina custa até R$ 8,990 por litro nos postos, diz ANP

A cassação do mandato do vereador ainda precisa ser ratificada na votação em segundo turno, prevista para a quarta-feira (22).

Votos pela cassação:

Alexandre Leprevost (SD)
Amália Tortato (Novo)
Beto Moraes (PSD)
Denian Couto (Pode)
Ezequias Barros (PMB)
Flávia Francischini (União)
Hernani (PSB)
Indiara Barbosa (Novo)
João das 5 Irmãos (União)
Marcio Barros (PSD)
Leônidas Dias (SD)
Marcelo Fachinello (PSC)
Mauro Bobato (Pode)
Mauro Ignácio (União)
Noêmia Rocha (MDB)
Nori Seto (PP)
Oscalino do Povo (PP)
Sabino Picolo (União)
Sargento Tania Guerreiro (União)
Serginho do Posto (União)
Sidnei Toaldo (Patri)
Tico Kuzma (Pros)
Tito Zeglin (PDT)
Toninho da Farmácia (União)
Zezinho do Sabará (União)

Votos contra a cassação:

Carol Dartora (PT)
Dalton Borba (PDT)
Herivelto Oliveira (CID)
Marcos Vieira (PDT)
Maria Letícia (PV)
Mestre Pop (PSD)
Professora Josete (PT)

Abstenções:

Professor Euler (MDB)
Salles do Fazendinha (DC)

Impedidos de votar:

Osias Moraes (Rep)
Pastor Marciano (SD)
Pier Petruzziello (PP)
Renato Freitas (PT)

Pantanal

Juma atira nos pés de Jove

Loterias

Veja o resultado das loterias desta terça-feira!

Inverno Chegou

Veja como será o primeiro dia de inverno em Curitiba

Além da Ilusão

Lorenzo declara seu amor por Letícia