*Atualização: Diego Alemão deixa a prisão em Curitiba após pagar fiança de R$ 7 mil

O ex-BBB Diego Alemão, vencedor da edição 7 do reality show Big Brother Brasil, poderá ser solto da Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran) a qualquer momento. Ele foi preso após se envolver em um acidente de trânsito na Rua João Alencar Guimarães, no bairro Santa Quitéria, em Curitiba, na manhã de sábado (18). A defesa de Alemão já tem a informação que o juizado de plantão apresentou um parecer favorável a liberdade do ex-BBB.

“Estou aqui na delegacia aguardando. Importante falar que iremos mostrar algumas coisas bem diferentes do que está sendo mostrado. O Alemão foi extorquido após o acidente”, relatou Jeffrey Chiquini, advogado de defesa do ex-BBB, que promete divulgar uma nota para a imprensa no período da tarde.

A prisão de Diego Alemão ocorreu no sábado (18). Ao deixar a casa da namorada, o carro conduzido pelo paulista bateu na traseira de um veículo conduzido por Fábio Reis Rosário, motorista de aplicativo. Ao discutirem, entraram em vias de fato. Segundo a Polícia Civil,  o ex- BBB estava visivelmente alcoolizado e que preferiu não fazer o teste do bafômetro. Além disto, teria desacatado os policiais militares que estavam na ocorrência. Diego Alemão foi autuado por crimes de embriaguez ao volante, desacato e lesão corporal.

Exame para o coronavírus

O advogado Edson Facchi, responsável pela defesa do motorista de aplicativo, relatou que seria prudente que Diego Alemão fizesse um exame para apontar se ele está infectado pelo novo coronavírus. O ex-BBB reside em São Paulo, cidade com maior número de casos do covid-19. “ É prudente que ele seja testado. Tanto por sua conduta displicente, que claramente dá indícios de não respeitar as normas e regras de convívio a fim de proteger a sua vida e a vida do próximo, quanto pelos locais por onde passou”, relatou Facchi em nota enviada para a imprensa.

Ainda na explicação do advogado, Diego Alemão, desrespeitou regras de isolamento e distanciamento social. “Estudos recentes já mostraram que 86% dos contaminados pelo estão assintomáticos ou manifestam falsos sinais de gripe. Pelo bem do próprio acusado, pelo bem do meu cliente, dos policiais que atenderam a ocorrência e pela dezena de pessoas que tiveram contato com o Diego Alemão nessa ocorrência, é prudente, exigível e emergencial que ele seja testado para a Covid-19. É uma questão de saúde pública, de bem-estar de famílias que podem ter sido expostas a essa grave doença em razão da ocorrência” explicou o advogado.

Quanto a esta acusação, a defesa de Diego Alemão comunica que o cliente Alemão fazia uso de mascara no local dos fatos, conforme imagens publicadas por meios de comunicação. Por sua vez, o motorista de aplicativo que estava trabalhando, não estava utilizando a máscara. Além disto, o advogado Jeffrey Chiquini expõe que o desdobramento do acidente aconteceu diante de exigências financeiras feitas pela suposta vítima, sob o pretexto de não expor a imagem de Diego para a imprensa.

Como prevenir a contaminação por coronavírus

  • Lavar as mãos com frequência/ ou utilizar álcool 70%, principalmente antes de consumir algum alimento;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca, higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter ambientes bem ventilados, evitar contato próximo com pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença;
  • Evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações;
  • Pessoas com sintomas de infecção respiratória aguda devem praticar etiqueta respiratória (cobrir a boca e nariz ao tossir e espirrar, preferencialmente com lenços descartáveis, e depois lavar as mãos).

Baixe o guia de prevenção para compartilhar!

Imprima esse guia em PDF com informações sobre a prevenção do Coronavírus e outras doenças respiratórias virais: