Após o acidente envolvendo um motociclista que deixou quatro pessoas feridas em um ponto de ônibus na Avenida do Batel, em Curitiba, a prefeitura promete rever a sinalização da via e intensificar a fiscalização do trânsito na região do Batel, inclusive com uma possível instalação de radar na via. O acidente aconteceu no sábado (7), próximo ao Shopping Pátio Batel, e, segundo a Polícia Civil, que investiga o caso, o condutor estava realizando manobras com a moto quando perdeu o controle e acabou atropelando pessoas que caminhavam pela calçada e batendo contra o ponto de ônibus. A gravidade do acidente levantou a questão sobre o abuso de velocidade e desrespeito às leis de trânsito nesta que é a principal avenida do bairro.

Quem convive com o problema diz que o que se percebe na Avenida do Batel é uma velocidade maior principalmente de motos nos finais de semana. “A velocidade é preocupante por causa da segurança. Volta e meia se percebe esse tipo de comportamento por aqui. Além disso, também acontece de os motoristas acelerarem forte nas esquinas para chamar a atenção. O barulho incomoda a vizinhança e quem trabalha nos fins de semana”, conta o gerente de um posto de gasolina na região que não quis se identificar. Ele trabalha no local há sete anos e diz já ter visto várias imprudências do gênero ao longo deste tempo.

Apesar dos abusos constantes, ele diz que acidentes como o do último fim de semana são raros. No entanto, o gerente lembra que, há dois anos, um carro invadiu o posto e acertou uma das bombas em um acidente mais grave. “Foi um susto na madrugada”, conta. Para ele, a melhoria da sinalização com a instalação de um radar poderia minimizar o problema. “Nós até vemos policiais atuando na região, mas só fiscalizar dessa forma pode não ser suficiente. Um radar poderia ajudar”, aponta.

Novo radar e mais fiscalização

E a instalação do equipamento pode acontecer muito em breve. Após denúncias de abuso no trânsito na região do Batel, a Superintendência de Trânsito (Setran) diz que está elaborando estudos técnicos para avaliar o melhor ponto para colocar um novo radar para monitorar a velocidade, além de flagrar avanço do sinal vermelho no cruzamento da Avenida do Batel com a Rua Francisco Rocha ou com a Teixeira Coelho. De acordo com o órgão, a licitação para a aquisição de novos equipamentos deve ocorrer ainda no segundo semestre deste ano.

Já em relação à fiscalização, tanto a Setran quanto a Guarda Municipal dizem que programam blitze para monitorar o trânsito em diversos pontos da cidade, inclusive naqueles onde há pedidos da própria população. A superintendência afirma que a Avenida do Batel está nessa programação e novas fiscalizações serão feitas por lá, para verificar o respeito ao limite de velocidade, documentação e volume excessivo do som dos veículos. Além disso, a Setran explica que, nos últimos dias, houve fiscalização de trânsito na Avenida Vicente Machado (Batel), na Rua Mateus Leme (Centro Cívico), na Linha Verde (Xaxim) e na Rua Joanita Bernett Passos (Boqueirão).

Seguem em estado grave tia a sobrinha atropeladas por motociclista no Batel