Lotus, o cão labrador da Companhia de Choque treinado para farejar entorpecentes, foi o destaque na prisão de cinco indivíduos -dois homens, três mulheres -ocorrida ontem, no Cajuru. Com o grupo foram apreendidos 31 quilos de cocaína, pasta básica da droga e crack.

O flagrante aconteceu por volta das 14 horas, numa ação conjunta da Força Samurai – da Polícia Militar – e de investigadores da Polícia Federal, conforme informou o coronel Jorge Costa Filho, chefe da Comunicação Social da PM. Há dois meses o grupo era investigado, revelou o oficial.

O trabalho policial teve início em uma das casas das Moradias Cajuru, que servia como ponto de venda de drogas. Na frente da residência, a polícia encontrou o Celta placa AJX-9192 (de Umuarama), ocupado por Admilson Matos Silva, 26 anos, Daine Pereira, 18, Silvia Pereira Gomes, 32, e a camioneta S-10 placa COJ-4567 (de Piraquara), onde estavam Narcísio Adilson Amaral Proença, 32, e Patrícia Aparecida de Almeida, 25.

Durante a revista na casa nada foi encontrado, porém, quando o cão Lotus entrou no Celta, detectou as drogas escondida no forro do carro e em outros esconderijos. Um total de 14,8 quilos de entorpecentes foram apreendidos ali.

Na sequencia das diligências, o grupo seguiu para Pinhais, onde a quadrilha mantinha outra casa para esconder drogas. Lotus novamente entrou em ação e encontrou, num armário falso, num dos quartos da moradia, o restante do entorpecente apreendido.

Como Narcísio e Patrícia informaram que são casados e moram no município de Maviraí (MS), a polícia suspeita que a droga tenha vindo de lá. O grupo é suspeito de abastecer o Cajuru e também os municípios de Pinhais e Piraquara com o entorpecente.

A quandrilha foi levada para o Comando do Policiamento da Capital (CPC) da Polícia Militar, onde toda a droga foi pesada, e depois recambiada à sede da Polícia Federal, em Curitiba, para lavratura do flagrante.

Mais drogas apreendidas em Cambará

Outra grande apreensão de droga aconteceu ontem à tarde, em Cambará (norte do Estado). Foram apreendidos 21,130 quilos de pasta básica de cocaína encontrada pelo Batalhão da Polícia Rodoviária Estadual do posto de Cambará, numa fiscalização de rotina na BR-369.

O entorpecente estava escondido no painel do Ford Fusion placa AQC-4773, de Cascavel. O motorista foi identificado pela iniciais O. R. P., 36 anos, e afirmou que tinha apanhado a cocaína em Cascavel, devendo entregá-la em São Paulo. Droga, carro e motorista foram encaminhados à delegacia de Cambará.