Com foco educativo e integrando órgãos de trânsito, uma blitz foi realizada na manhã desta terça-feira (21) na Linha Verde, no cruzamento com a Avenida Salgado Filho, no bairro Guabirotuba, em Curitiba. Com várias viaturas de agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Rodoviária Estadual (PRE), Polícia Militar (PM), Polícia Civil, Detran, Bombeiros e Guarda Municipal (GM), a ideia foi conscientizar motoristas sobre os perigos de se cometer irregularidades. Uma outra blitz educativa ocorreu também pela manhã em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana.

LEIA TAMBÉM:

> Guarda aborda adolescente dirigindo moto em Curitiba e descobre algo inesperado

> Policial de Curitiba famoso no Youtube por seguir suspeito de bicicleta pede demissão

> Paraná irá vacinar contra a covid-19 de adolescentes com e sem comorbidades

A ação faz parte da Semana Nacional de Trânsito, realizada anualmente desde 1997. Durante sete dias, uma série de eventos e ações educativas promovidas por todos os órgãos e entidades que integram o Sistema Nacional de Trânsito visam ajudar os motoristas de alguma forma. O tema de 2021 estabelecido pelo Contran é “No trânsito, sua responsabilidade salva-vidas”.

A atividade desta terça-feira, no Guabirotuba, contou com a presença do Secretário Nacional de Trânsito, Frederico de Moura Carneiro. “O trabalho integrado envolve órgãos do governo federal, do governo do estado e do âmbito do municipal. Todos atuam em conjunto buscando a segurança pública e também a segurança no trânsito. Eu observei que existe o respeito para o bem do cidadão”, disse o Frederico.

Orientação e bafômetro descartável

Policiais da PRF a todo momento orientavam motociclistas quanto a obrigatoriedade do uso da viseira fechada, algo que não é de costume para quem utiliza moto. O agente sinalizava a importância de estar com o equipamento adequado. Além disso, panfletos foram entregues para motoristas reforçando a importância do cinto de segurança.

Bafômetro descartável é um parâmetro pra pessoa saber se tem álcool no sangue, mas que não indica a quantidade. Foto: Gustavo Marques/Tribuna do Paraná.

Dickson Lins, agente de trânsito do Detran/PR, entregou para quem passava pelo trecho um bafômetro educativo. “Ele é descartável e pode ser utilizado para a pessoa saber se ela está com álcool no sangue. Não diz a quantidade e (o motorista) não vai ser autuado, pois ele não é o etilômetro. É apenas educativo mesmo e as pessoas estão colaborando”, relatou Dickson.

Salvar 86 mil vidas

Com o lema “Quando um cuida do outro, todos cuidam do trânsito” e ações simples como colocar o cinto ou o capacete, fechar a viseira, atravessar na faixa de segurança, o foco é salvar 86 mil vidas em todo o país.

“O objetivo é fazer com que tema trânsito tenha cada vez mais relevância na pauta nacional, sendo um agente para salvar vidas”, comentou o secretário nacional de Transportes, Frederico de Moura Carneiro, que no período da tarde visita áreas de escape, como as construídas ao longo da BR-376 e BR-277, no litoral do Paraná, que já evitaram inúmeros acidentes.

Na segunda-feira (20), o governador Ratinho Junior assinou de forma simbólica o documento que confirma a adesão do Paraná ao Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (Pnatrans), instituído pela Lei nº 13.614, de 11 de janeiro de 2018.

Web Stories

Gigante!!

Nova Havan será quatro vezes maior que a loja que será abandonada em Curitiba

Você sabia?

Cinco curiosidades sobre Curitiba que nem o curitibano raiz vai saber dizer!

Malhação Sonhos

Nat impede que Duca enfrente Lobão

Lindas!

Cinco árvores exóticas e raras de Curitiba