Doze mulheres da área de limpeza que venceram ou ainda lutam contra o câncer participam de um ensaio fotográfico em Curitiba, neste domingo (20), para fortalecer a campanha do Outubro Rosa. O objetivo é conscientizar outras mulheres sobre a importância da prevenção. Estima-se, por exemplo, que dez novos casos de câncer de mama sejam diagnosticados no Paraná, por dia. O ensaio contará com fotos em estúdio e no Jardim Botânico. A ação é promovida pelo Sindicato dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação (Siemaco). O resultado será exibido na sede do sindicato, no dia 31 de outubro, às 16h30, no encerramento da campanha Outubro Rosa. Também haverá palestra sobre a saúde da mulher.

O tema do ensaio fotográfico é “Outubro Rosa é só o começo… Previna-se sempre”. Além de Curitiba, a ação também ocorre em Londrina, no interior do estado. Participam da ação mulheres com histórias de vida emocionantes. Segundo o Siemaco, a categoria da limpeza é 75% formada por mulheres, muitas delas chefes de família, com média de dois a três dependentes. A preocupação de levar sustento para casa e cuidar dos filhos, muitas vezes, se sobrepõe aos cuidados que deveriam ter com a própria saúde. As fotos buscarão mostrar essas histórias por meio de modelos que, verdadeiramente, vivem o dia a dia da profissão e conseguiram superar os desafios da luta contra o câncer.

Sobre o objetivo da ação, Amélia Rodrigues Palhares, diretora do Siemaco, disse que “o câncer não é o fim e a principal mensagem da Campanha Outubro Rosa é que o mês é só uma referência para cuidados que tem que acompanhar as mulheres por toda vida”. A principal luta é para aumentar a prevenção contra o câncer de mama, mas outros diagnósticos não ficam de fora. No Paraná, o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) estima que, em 2019, foram registrados 3.730 novos casos de câncer de mama, com uma média de dez diagnósticos por dia. Curitiba teve cerca de 820 casos neste ano.

São esses números que as mulheres da limpeza querem ajudar a combater. Júlia Cristina Silva, 49 anos, é servente de limpeza em escola municipal e tem duas filhas. Ela teve câncer de mama e foi curada. Ela continua o acompanhamento e trabalha normalmente. Em 2017, durante o banho, notou um nódulo no seio. Como a irmã já tinha ido a doença, ela procurou o médico. Mesmo com um diagnóstico tão duro, ela nunca desanimou. Não deixava de trabalhar mesmo fazendo as sessões de quimioterapia. Fez cirurgia para retirada de mama em maio de 2018. Ela será uma das fotografadas. “Em primeiro lugar, temos que agradecer a Deus. Depois, procurar um médico para realizar exames. Tem muita mulher que não procura. Não podemos nos entregar para a doença. O apoio da família é muito importante e você tem que lutar. Campanhas como essa ajudam muito. Temos que nos unir contra todos os tipos de câncer. Se precisar, estarei aqui de novo”, disse a Júlia Cristina.

Sosella é o fotógrafo responsável pelas imagens da campanha. Foto: Felipe Rosa / Tribuna do Paraná
Sosella é o fotógrafo responsável pelas imagens da campanha. Foto: Felipe Rosa / Tribuna do Paraná

A manicure de Londrina Érica Gomes Frutuoso, 40 anos, participa do ensaio por ser dependente do marido, que era associado ao Siemaco. Ela foi diagnosticada com câncer de mama em 2017. O marido faleceu em 2018, e a Érica enfrentou as dificuldades do tratamento sozinha. “Estava dando início ao tratamento de radioterapia, quando meu marido morreu. Foi muito difícil. Eu precisei superar o momento. Mas deu tudo certo, graças a Deus. Com tudo isso, eu aprendi a me amar, a cuidar da família e viver cada momento. Você precisa viver com intensidade, até porque, o câncer já foi sinônimo de morte. Agora, ele pode ser entendido como sinônimo de vida. É isso que quero contar para as mulheres”, explicou.

As outras modelos são Kátia Cristina Wrobel Lopes, Joana Paula de Souza, 38 anos, Solange de Oliveira, 55 anos, Marlene Pires Bressan, 57 anos, Priscila de Andrade Mendorff, 35 anos, Joana Darc Mazé da Costa, 43 anos, Raimunda Maria de Souza, 69 anos, Francisca Francineide de Jesus, 58 anos, Marília Lopes de Camargo, 68 anos, e Cristiane da Conceição.

Quem for ver o resultado das fotos no dia 31 de outubro, deve se deparar com imagens que transmitirão vitória e alegria. É o que explica o fotógrafo Sossella, responsável pelo ensaio. “Temos que lembrar que o tempo inteiro há provas para todo mundo, que é preciso lutar. A verdade, a entrega e a felicidade foi o que busquei nas fotos. Elas serão uma junção de tudo isso, com a suavidade do cor-de-rosa. Eu me entreguei para essas mulheres, elas se entregaram para mim. O resultado dessa junção é a vitória”.

Serviço

Exposição Fotográfica

Data: 31/10/2019 (quinta-feira)

Horário: 16h30

Sede do Siemaco: Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 826, São Francisco

Bazar Solidário vende produtos de marcas famosas com até 90% de desconto