Um grave acidente destruiu completamente um carro no final da madrugada desta segunda-feira (22) na Avenida Victor Ferreira do Amaral, no Jardim Social. Segundo as primeiras informações, o motorista de um Jetta fugia da Polícia Militar em alta velocidade, porque estaria armado, quando se perdeu em uma curva.

A perseguição começou em Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba e o motorista seguiu sentido ao centro de Curitiba até que, perto do viaduto da Avenida Nossa Senhora da Luz, perdeu o controle do veículo, bateu em um poste e acertou o portão de uma casa. O acidente causou grande destruição no local

Carro foi guinchado perto das 6h. Foto: Colaboração.

No veículo estavam três pessoas e o motorista ficou desacordado. Um rapaz, que não se feriu, saiu do carro e tentou fugir, mas foi preso pelos policiais. Uma moça, adolescente, que estava no carro, teve ferimentos na perna e foi encaminhada, junto com o motorista, ao Hospital Cajuru.

A jovem teria dito que o rapaz que dirigia o Jetta não fugiu por estar com um veículo roubado, mas sim porque estava armado. Dentro do carro os policiais encontraram uma pistola calibre 380. A arma e o rapaz detido foram encaminhados pela Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam) a uma delegacia.

Segunda vez

Segundo o dono de uma das casas atingidas pelo Jetta, essa é a segunda vez que um motorista fugindo da polícia invade o local. “Mas todo mês somos premiados com um acidente em nosso portão nessa curva. Não sabemos quem estava errado hoje, mas o prejuízo será nosso de qualquer forma”, disse Alan Jonas em entrevista à Rádio Difusora.

Ainda de acordo com o morador, os vizinhos estão cansados com os constantes acidentes na porta de casa. “Nós inclusive tentamos colocar uma proteção na calçada, mas fomos proibidos, porque se não fica perigoso para os motoristas, que bateriam na proteção de ferro e seria pior, segundo a Prefeitura”, explicou o rapaz.