Está em tramitação na Câmara Municipal de Curitiba um projeto de lei que prevê a instalação de câmeras de monitoramento em tempo real e botão de pânico em todos os veículos cadastrados no serviço de transporte de passageiros por aplicativo. A medida, que será analisada na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) englobaria carros de compartilhamento individual, regulamentado pelo decreto municipal 1.302/2017.

Segundo o autor do projeto, o vereador Rogério Campos (PSC), a ideia é proporcionar mais segurança aos motoristas e usuários. Ele explica que há um aumento no número de casos de assaltos e até mesmo de homicídios contra os condutos de veículos. De acordo com informações prestadas na justificativa da matéria, há ainda relatos de tentativa de estupro contra passageiras e que, com a disponibilização das câmeras, esse tipo de situação poderia ser “comprovada”, garante o autor.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Curitiba discute parceria com app de transporte