O último boletim de saúde do radialista e ex-político paranaense Algaci Tulio, divulgado pelo Hospital Vita no sábado (2), informa que o quadro dele no tratamento da covid-19 continua grave, mas estável. Algaci Tulio, que tem 80 anos, segue entubado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) desde a última sexta-feira (1º) e segue sem previsão de alta. A família deu entrada no hospital no dia 28 de dezembro.

LEIA TAMBÉMCuritiba registra mais 26 mortes e 1,7 mil casos de coronavírus em boletim com dados acumulados

Algaci Tulio precisou ser encaminhado para a UTI após apresentar problemas respiratórios. Segundo a assessoria, ele está sob os cuidados dos médicos Álvaro Rea-Neto, Mirella Cristine de Oliveira e Rafael Deucher. 

No Facebook, a família informou que Tulio pode sair do coma induzido após uma avaliação que ocorrerá dentro de 48 horas. Eles pedem orações. Um boletim diário passará a ser divulgado pelo Hospital Vita sempre às 16h.

Até a quarta-feira (30), dois dias após o internamento, a informação divulgada era de que Algaci Tulio apresentava um quadro de saúde estável, respondendo bem à oxigenação e em tratamento com antibióticos, corticoide e anticoagulante.

Algaci Tulio foi vereador de Curitiba, deputado estadual e vice-prefeito por duas vezes, em uma gestão de Jaime Lerner e outra de Cassio Taniguchi.