A construção do Terminal do Tatuquara, na zona sul de Curitiba, começou quarta-feira (16). Com 3,4 mil metros quadrados, o novo terminal custará da obra é de R$ 8,2 milhões, com recursos do governo federal e contrapartida da prefeitura. A previsão é de que os trabalhos durem entre 12 e 15 meses. A obra inicia quase cinco anos após o desenvolvimento do projeto e ao menos três mudanças na data de início da construção. O Tatuquara faz parte do pacote de construção ou reforma de nove terminais anunciados pelo prefeito Rafael Greca (PMN).

+ Fique esperto! Perdeu as últimas notícias de hoje sobre segurança, esportes, celebridades e o resumo das novelas? Clique agora e se atualize com a Tribuna do Paraná!

O Terminal do Tatuquara receberá 10 linhas alimentadoras para descentralizar o transporte na região, hoje concentrado no Terminal do Pinheirinho. Entre as linhas que circularão pelo novo terminal estão Rio Bonito, Dalagassa, Pompeia, Janaína, Santa Rita, Rurbana e Tatuquara. Em conjunto com a construção do terminal, outras obras de melhorias serão feitas na região, como o ativamento do binário e viaduto da Vila Pompéia, a pavimentação da estrada Delegado Bruno de Almeida e a construção de ligações com a Linha Verde, Araucária e Fazenda Rio Grande.

+ Leia mais: Lula manda carta a Jean Wyllys e pede: ‘Não ceda nas suas convicções’

O novo terminal será o primeiro de Curitiba a ter integração intermodal, com bicicletário. O espaço contará com 108 vagas para bicicletas e também com vestiários para que os passageiros possam usar os dois meios de transporte: ônibus e bicicleta.

Projeto do terminal Tatuquara. Imagem: Divulgação/SMCS
Projeto do terminal Tatuquara. Imagem: Divulgação/SMCS

“A construção do terminal é um passo a mais em direção à região sul de Curitiba para a integração do transporte metropolitano. Quando fui candidato, prometi que faria da Grande Curitiba uma só e que o meu Tatuquara querido seria cada vez menos só o buraco do tatu – o que quer dizer o seu nome indígena – para se transformar numa região de progresso”, afirma o prefeito Rafael Greca sobre o início da obra no site da prefeitura.

+ Leia mais: Corpo de homem desaparecido em enxurrada é achado na Grande Curitiba

O terminal atenderá moradores dos bairros Tatuquara, Campo de Santana e Caximba , na zona sul de Curitiba, onde vivem cerca de 116 mil pessoas. “O Terminal Tatuquara começa a consolidar a região mais nova da cidade como parte integrante da estrutura urbana de Curitiba. Até então isolado, dividido, sem malha viária, com acesso muito difícil, o Tatuquara merece um terminal de transporte”, conclui o prefeito.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

A tatuagem conquistou o brasileiro. Mas significados exigem cuidados!