Um suspeito de assalto morreu em confronto com policiais militares dentro de um condomínio de luxo do bairro Pilarzinho, em Curitiba, no final da manhã desta quinta-feira (2). A ação aconteceu depois que o homem tentou se esconder no residencial.

A ação aconteceu por volta das 10h30, depois que algumas pessoas foram assaltadas na rua próximo ao condomínio. A reportagem da Tribuna do Paraná apurou que o assaltante foi visto por uma equipe do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), e conseguiu pular o muro do residencial, que fica na Avenida Fredolin Wolf.

“Ele se escondeu num bosque que tem nos fundos do condomínio. Os policiais entraram atrás e, na tentativa de abordagem, houve reação”, detalhou o capitão Siloto, da Polícia Militar (PM).

O assaltante foi baleado e chegou a ser atendido pelo Siate, mas morreu no local. “Com ele nós apreendemos uma arma e também todos os objetos que tinham sido levados das vítimas”, disse o capitão.

Apesar do susto, nenhum morador do condomínio se feriu com a ação. O corpo vai ser recolhido pelo Instituto Médico-Legal (IML) e somente aí a polícia vai ter a confirmação da identidade dele. “Tudo indica que já era uma pessoa com outros antecedentes criminais”, considerou o policial.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Encapuzado, rapaz é suspeito de matar cunhado em festa. Detalhe revelou sua identidade