Luciano do Espirito Santo, 29 anos, e Adailto da Silva Melo, 30, morreram atropelados em um acidente pra lá de trágico por volta das 6h deste domingo (10), às margens da BR-277, no quilômetro 78, no Uberaba. Eles conversavam sentados no meio-fio da rua quando foram atingidos por um Kia Cerato desgovernado que rodou na pista e subiu no canteiro.

O carro atropelou os dois homens, que foram arremessados e morreram na hora. Após o acidente, sem prestar socorro algum aos homens, o motorista do carro tirou a chave da ignição e fugiu. Ele só esqueceu que deixou o veículo no local com o celular dentro, o que vai facilitar para que a polícia o encontre.

O barulho foi ouvido por policiais da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que estavam com uma viatura parada do outro lado da pista. Eles ouviram o barulho da colisão, fizeram o retorno e, quando chegaram ao local, o motorista do carro já havia fugido.

Os policiais tentaram salvar a vida dos dois homens, mas sem chance alguma de que eles sobrevivessem, pois a pancada foi forte. Socorristas da concessionária chegaram a ser acionados, mas apenas constataram os óbitos. A rodovia não teve o trânsito afetado por causa do acidente, já que o veículo parou no canteiro da marginal. O carro foi encaminhado ao pátio da PRF na BR-277.