Policiais do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), que voltavam de uma viagem a trabalho deram de cara com um homem, de 51 anos, com um Vectra abarrotado com aproximadamente R$ 1 milhão em maconha. A ação aconteceu no quilômetro 212 da BR-277, na altura do município de Teixeira Soares, no sudeste do Paraná, e contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O delegado Rodrigo Brown explicou que os policiais tinham viajado para investigar algumas informações que receberam. “Entre o que era apurado, levantávamos também alguns detalhes sobre o atentado a balas num ônibus que pertencia à carreata do ex-presidente Lula”.

No caminho, os policiais desconfiaram da atitude suspeita do motorista na estrada e fizeram sinal para realizar a abordagem, mas o motorista não parou. De acordo com a polícia, ao fazer sinal para o suspeito encostar o veículo, ele perdeu o controle e acabou caindo em um buraco no acostamento da estrada.

“Ele tentou correr para escapar por uma plantação, mas foi detido pelos policiais”, disse o delegado. Aos investigadores, o homem disse que pegou o veículo carregado em Cascavel, no Oeste do Paraná, e que entregaria a carga em Curitiba.

Na delegacia, o preso confessou aos policiais que receberia o valor de R$ 3 mil para entregar a carga de droga em um shopping situado no bairro Mossunguê, em Curitiba. “Certamente entregaria o carro para outra pessoa e dali seu trabalho encerraria. Mas agora é justamente isso que procuramos, o responsável por toda essa droga”, destacou o delegado.

Ao todo, foram apreendidos mais de 500 de maconha. O Vectra que estava com o homem tinha sido roubado em março, no Ahú, em Curitiba, e também foi apreendido pela Polícia Civil. O flagrante, por tráfico de drogas, foi feito na delegacia de Teixeira Soares e o preso trazido a Curitiba. A droga deve ser incinerada nos próximos dias.

Foto: Divulgação/Polícia Civil.
Foto: Divulgação/Polícia Civil.

Policiais atiram em menores desarmados em restaurante da Grande Curitiba