O corpo de uma mulher foi encontrado num matagal às margens da BR-376 em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), no final da manhã desta quarta-feira (1). A polícia ainda não confirma, mas pode ser de Renata Larissa dos Santos, de 22 anos, desaparecida desde o dia 27 de maio. A polícia, no entanto, ainda não confirma porque espera o resultado dos exames.

A reportagem da Tribuna do Paraná apurou que, ao contrário do que costuma acontecer, quando denúncias anônimas apontam o local onde o corpo possa estar, quem encontrou foi uma equipe da Delegacia da Mulher. Os policiais, porém, apenas confirmaram a informação, mas não passaram nenhum outro detalhe sobre as investigações.

Foto: Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução/Facebook

Ainda conforme a polícia, o corpo encontrado já estava em avançado estágio de decomposição e, por isso, ainda não é possível afirmar a identificação oficial da vítima. A mulher tinha cabelo escuro e um piercing no umbigo. A perícia da Polícia Científica foi ao local e uma equipe do Instituto Médico-Legal (IML) recolheu o corpo e agora deve fazer todos os exames necessários para confirmar de quem se trata.

Renata Larissa, que é vendedora, desapareceu em Colombo, também na RMC, depois de receber mensagens no celular e sair de casa rumo a uma farmácia e que voltaria rapidamente, mas isso não aconteceu. Apesar de a Polícia Civil ainda não dar detalhes sobre as investigações, existiria uma pessoa suspeita do desaparecimento da moça.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Alerta Momo