A prefeitura de Curitiba abre nesta quarta-feira (22), inscrições para o Processo Seletivo Simplificado (PSS), com o objetivo de contratar temporariamente professores para atuarem em turmas da educação infantil e também nos primeiros anos do ensino fundamental na rede municipal de ensino. A expectativa é que 696 pessoas venham a ser contratados, mas isso vai depender da demanda. As inscrições encerram às 16h do dia 27/09/2021.

+Viu essa? Estudantes de Curitiba aprimoram luva tradutora de libras e usam app para transformar gestos em som

De acordo com a prefeitura, não haverá prova. A seleção vai ser feita com base no tempo de experiência e na conclusão de cursos superiores e especializações na área de educação. Para se candidatar, os interessados devem ter pelo menos graduação completa. Conforme edital, a jornada de trabalho é de 20 horas semanais, com vencimentos mensais de R$ 2.044,84. Confira aqui o edital completo do certame.

+Tecnologia! Balneário Camboriú está engordando a orla com areia do oceano. Veja imagens!

Proibições

Por conta da pandemia, a prefeitura informou que não haverá contratação de pessoas com 65 anos ou mais, de gestantes e também daquelas pessoas que  se enquadrem em uma doença crônicas de saúde de natureza grave, estabelecidas por decreto como problema respiratório crônico como asma em uso de corticóide inalatório ou sistêmico (moderada ou grave), DPOC; bronquiectasia; fibrose cística; doenças intersticiais do pulmão; displasia broncopulmonar; hipertensão arterial pulmonar.

Confira abaixo outras doenças que impedem a participação no PSS

  1. Doença cardíaca crônica: doença cardíaca congênita; hipertensão arterial sistêmica com comorbidade; doença cardíaca isquêmica; insuficiência cardíaca.
  2. Doença renal crônica: doença renal nos estágios 3, 4 e 5; síndrome nefrótica; paciente em diálise.
  3. Doença hepática crônica: atresia biliar; hepatites crônicas; cirrose;
  4. Doença neurológica crônica: condições em que a função respiratória pode estar comprometida pela doença neurológica.
  5. Pacientes com necessidades clínicas individuais específicas, incluindo AVC, indivíduos com paralisia cerebral, esclerose múltipla e condições similares.
  6. Doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular.
  7. Deficiência neurológica grave.
  8. Diabetes: diabetes mellitus tipo I e tipo II em uso de medicamentos.
  9. Imunossupressão: imunodeficiência congênita ou adquirida e imunossupressão por doenças ou medicamentos.
  10. Obesidade: obesidade grau III.
  11. Transplantados: órgãos sólidos e medula óssea.

Web Stories

Gigante!!

Nova Havan será quatro vezes maior que a loja que será abandonada em Curitiba

Você sabia?

Cinco curiosidades sobre Curitiba que nem o curitibano raiz vai saber dizer!

Malhação Sonhos

Nat impede que Duca enfrente Lobão

Lindas!

Cinco árvores exóticas e raras de Curitiba