Em uma consulta pública feita pela Câmara Municipal de Curitiba (CMC), entre os dias 30 de setembro e 24 de outubro, os curitibanos indicaram a saúde, a segurança e a educação como as áreas que mais precisam de investimentos na capital. Os resultados foram apresentados nesta quarta-feira (3) numa audiência pública com o objetivo de discutir os projetos da Lei Orçamentária Anual (LOA), que estima uma receita de R$ 9,046 bilhões para 2022, e do Plano Plurianual (PPA) 2022-2025, cuja expectativa é destinar R$ 2,6 bilhões para investimentos.

LEIA TAMBÉM:

>> Idosos esperam mais de três horas para receber vacina na US Tingui, em Curitiba

>> Michel Temer recebe maior honraria da Prefeitura de Curitiba nas mãos de Greca

Das 896 participações na consulta pública, 90,7% se deram pelo site institucional e 9,3% pelos canais do Legislativo. Como cada pessoa pode elencar três prioridades, em uma lista com dez opções (assistência social, cultura, educação, esporte e lazer, habitação, meio ambiente, obras, saúde, segurança e transporte), o resultado foi de 2.688 indicações. Em cada escolha, era possível detalhar o porquê daquela área precisar de mais investimento que as demais, selecionando uma alternativa do formulário ou preenchendo um campo aberto.

Saúde, segurança e educação equivalem a 46% das demandas. A saúde pública somou 422 indicações, com pedidos para melhorias e investimentos na área, a contratação de mais servidores, o aumento das consultas eletivas ofertas na rede pública e a implantação ou a reforma de equipamentos.

Logo atrás, as 416 propostas para a segurança pública trataram principalmente do aumento das rondas da Guarda Municipal, da contratação de servidores, da ampliação do sistema de videomonitoramento e da implantação de módulo, além de melhorias em geral nesse segmento. Quanto às demandas para a educação no Município, que recebeu 408 sugestões, os pedidos concentraram-se em mais investimentos para a área, de maneira genérica, em mais vagas nos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs), na oferta de mais profissionais e na reforma de equipamentos da rede.

De acordo com a divisão conforme a participação por administrações regionais, destacaram-se Boa Vista (183), Matriz (142) e Fazendinha/Portão (108).

Web Stories

Novidades!

Filmes e séries que chegam à Netflix nesta semana

Saúde

Por que temos câimbras? Saiba como acabar com elas!

Carinha de Anjo

Haydee cancela a festa de noivado

Hummm….

Gosta de Banoffi? Saiba como fazer a torta em casa!