Denunciado por assédio sexual por parte de uma servidora pública, o presidente da Paraná Turismo, João Jacob Mehl, de 77 anos, pediu exoneração do cargo. Jacob Mehl também é conhecido por ter sido presidente do clube de futebol Coritiba na década de 1990.

LEIA TAMBÉM:

>> Homem sai preso de shopping em Curitiba após agredir ex-namorada

>> Ratinho Junior sanciona auxílio-alimentação de R$ 600 para forças de segurança

Nathália Ferreira da Silva, 27 anos, prestou depoimento na segunda-feira (20), na Casa da Mulher, no bairro Cabral, em Curitiba, e confirmou diante das autoridades as situações que a levaram a denunciá-lo. Gravações e conversas por mensagens foram incluídas no boletim de ocorrência e diante dos fatos, Jacob Mehl deixou a autarquia ligada ao governo estadual.

De acordo com boletim de ocorrência, Nathália relata que o assédio sexual aconteceu dentro da sede da Paraná Turismo no dia 25 de novembro. Certa vez, Jacob Mehl teria dito: “Você é depilada lá? Porque eu fico imaginando e sonhando com você à noite. Sou louco pela sua cor. Você não quer fazer amor comigo?”. Ainda segundo a servidora, outras situações semelhantes ocorreram no ambiente de trabalho e ela chegou a comentar com Jacob Mehl que não estaria gostando dos rumos da conversa.

Investigação

Antes de procurar a Polícia Civil, Natália fez uma denúncia interna na Controladoria-Geral do Estado. Na esfera administrativa, foi aberto um processo na Ouvidoria. Na parte criminal, a Polícia Civil acompanha o caso. A Tribuna do Paraná buscou falar com Jacob Mehl, mas não conseguiu contato.

Pantanal

Tibério proíbe Muda de falar com Alcides

Além da Ilusão

Úrsula rouba o bebê de Heloísa

Novidades

Comédia com Paulo Gustavo e mais filmes e séries chegam nesta semana na Netflix, confira!

Carreira

Ganhadora do prêmio de pior atriz a vida rodeada de polêmicas, quem é Anne Heche?