O ex-BBB Diego Alemão, vencedor da edição 7 do reality show Big Brother Brasil, foi solto da Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran), no início da tarde deste domingo (19) ao pagar fiança de R$ 7 mil. Ele foi preso após se envolver em um acidente de trânsito na Rua João Alencar Guimarães, no bairro Santa Quitéria, em Curitiba, na manhã de sábado (18).

Na manhã deste domingo, o advogado de defesa informou que já tinha a informação de que o juizado de plantão tinha apresentado um parecer favorável a liberdade do ex-BBB. “Importante falar que iremos mostrar algumas coisas bem diferentes do que está sendo mostrado. O Alemão foi extorquido após o acidente”, relatou Jeffrey Chiquini, advogado de defesa do ex-BBB, que promete divulgar uma nota para a imprensa no período da tarde.

A liberdade de Diego Alemão foi concedida pela juíza Fernanda Maria Zerbeto Assis Monteiro. Na decisão, a magistrada relata que documentos e provas produzidas indicam que o autuado dirigia veículo automotor sob a influência de álcool ou outra
substância psicoativa e que preferiu não fazer o exame de bafômetro. Além disto, agrediu fisicamente o condutor do outro carro envolvido no acidente de trânsito e desacatou os policiais. No entanto, no entendimento da juíza, os crimes praticados não indicam que a prisão venha a ser mantida, pois a pena dos delitos não ultrapassam a quatro anos; o indiciado é primário, possui residência fixa e
ocupação lícita.

E agora, Alemão?

A juíza impôs o pagamento de R$ 7 mil como fiança. Diego Alemão ainda terá que comparecer a cada dois meses em Curitiba informar e justificar atividades durante o
curso do inquérito. O ex-BBB está proibido de se ausentar de São Paulo ( comarca que ele reside) por prazo superior a oito dias, sem prévia autorização judicial.

Como prevenir a contaminação por coronavírus

  • Lavar as mãos com frequência/ ou utilizar álcool 70%, principalmente antes de consumir algum alimento;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca, higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter ambientes bem ventilados, evitar contato próximo com pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença;
  • Evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações;
  • Pessoas com sintomas de infecção respiratória aguda devem praticar etiqueta respiratória (cobrir a boca e nariz ao tossir e espirrar, preferencialmente com lenços descartáveis, e depois lavar as mãos).

Baixe o guia de prevenção para compartilhar!

Imprima esse guia em PDF com informações sobre a prevenção do Coronavírus e outras doenças respiratórias virais: