A casa de madeira que pegou fogo no bairro Boa Vista, em Curitiba, era do Gerson Antônio Arruda, 51 anos. Ele ganha a vida com recicláveis e, além da casa, que ficava na Rua João Scheleder Sobrinho, ele perdeu todos os utensílios domésticos que possuía, incluindo roupas. Como noticiou a Tribuna, a fumaça preta do incêndio chamou a atenção de moradores na manhã de segunda-feira (22), por volta das 10h. O fogo foi controlado pelo Corpo de Bombeiros e ninguém saiu ferido. Agora, Arruda precisa de ajuda para reconstruir a vida.

Leia mais! Consórcio de vacinas da covid-19 tem 87% de adesão das prefeituras do Paraná

“Graças a Deus eu estou vivo. Estou triste e precisando de ajuda, queimou tudo… Mas estou vivo”, disse Arruda com a voz embargada, ao lamentar a destruição causada pelo incêndio. O homem também comentou que, por pouco, o fogo não atingiu a casa ao lado, que é de uma sobrinha. “Ainda bem que não aconteceu mais nada”, comentou.

Gerson Arruda morava sozinho na casa. Embora tenha parentes em Curitiba, ele diz que qualquer ajuda é bem-vinda. “Pra eu poder me organizar e começar de novo. Pra mim, qualquer coisa simples tá ótimo. Que Deus abençoe”, pede.

Para ajudar, o telefone de contato é o do Henrique, irmão do Arruda: (41) 98501-6556.

+ Leia mais: Curitiba divulga datas da vacinação contra covid-19 para idosos com mais de 71 anos