Vanderli Ferreira, 62 anos, morreu baleado no fim da tarde de ontem, em Colombo. O crime foi por volta das 18h30 na propriedade dele, na Rua Prefeito Pio Alberti, Jardim Osasco.

Vanderli é dono de outras quatro casas, no mesmo terreno onde morava, que ele colocava para aluguel. Pouco tempo antes do crime, ele recebeu um telefonema de pessoas supostamente interessadas em conhecer o local. Minutos antes dos supostos locatários chegarem, a esposa de Vanderli foi tomar banho e não viu quem eram os suspeitos. Acredita-se que Vanderli foi morto por algum deles, com três tiros na cabeça.

A polícia não descarta uma execução e que os assassinos usaram o pretexto de ver as residências, para marcar o encontro e matar o desafeto. Vanderli já tinha antecedente criminal e mandado de prisão em aberto.